Os felizes são mais felizes

Algumas pessoas são mais felizes do que realmente são. Essa frase soa estranho, mas é isso mesmo; Daniel Kahneman explica sobre a experiência da felicidade versus a memória da felicidade (video na referência)[1].

Experiência

Do Latim EXPERIENTIA, “conhecimento obtido através de tentativas repetidas”, de EXPERIRI, “testar”, formado por EX-, “fora”, mais PERITUS, “testado, com conhecimento” [2].

Memória

Do Latim MEMORIA, de MEMOR, “aquele que se lembra” [2].

E a felicidade?

É impossível ser feliz o tempo todo. E ainda bem que assim o é. Se eu fosse feliz o tempo todo, não saberia o que é felicidade, e se algo não me falta, não me necessita.

Desse modo, um monge chamado Matthieu Ricard, conhecido por ser o homem mais feliz do mundo, diz o seguinte; a tristeza não é o oposto da felicidade, ela é o oposto do prazer. Quando estamos tristes queremos buscar mais prazer. A felicidade é um estado de harmonia com o mundo e consigo próprio.

E a memória e a experiência?

Daniel Kahneman mostra que existe a felicidade da experiência, ou seja, por algo ou momento que vivemos; existe também a felicidade gerada pela memória de uma experiência. Podemos fazer algo e transformá-lo em um sentimento incrível, ou podemos nos martirizar. Um provérbio para explicar:

Dois monges estavam atravessando um rio, quando encontram uma garota precisando de ajuda para também atravessá-lo. Os monges possuíam o voto de não tocar em mulheres, mas independente disso, um deles ajuda a moça. Os dois monges seguem seu caminho, depois de um tempo o monge que manteve o voto, estava com muita raiva do outro; então disse: “você tocou naquela moça para ajudá-la a atravessar o rio, isso foi errado”, e o outro respondeu: “Sim, só que quando terminei de ajudá-la, a deixei lá, mas você ainda a carrega”.

melt“ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade” – Carlos Drummond de Andrade

Nossa memória recria o sentido da experiência. Não conseguimos viver experiências felizes 24h de um dia, mas podemos criar uma memória feliz de cada experiência que vivemos. Talvez dar uma boa risada de uma situação ruim que passamos, ou contar a nossa história para inspirar outras pessoas, ou mesmo não ficar preso em sentimentos negativos e aproveitar o que há de melhor em viver; a vida.

O recado final: A felicidade é sua, mas se quiser multiplicá-la, conte comigo =]

Fontes

1. Kahneman, D.  Enigma da Experiência versus Memória. Acessado em <http://www.ted.com/talks/daniel_kahneman_the_riddle_of_experience_vs_memory.html> Agosto 2013

2. Origem da Palavra site de etimologia. Acessado em: <http://origemdapalavra.com.br> Novembro 2013

Jhoney Lopes

Podia ser Mestre Jedi, mas é Mestre em Engenharia de Software pela Universidade Federal de Viçosa – UFV, tá na luta como Empreendedor e desenvolve aplicativos em iOS por paixão e profissão. Sim, Worklover! =] Mantra: “De modo suave você pode sacudir o mundo.” – Mahatma Gandhi